Olá! Tudo bem?

Solicite nosso Contato!

[contact-form-7 404 "Not Found"]

20 Estratégias de Marketing com baixo custo para pequenas empresas 

Estratégias de Marketing Com Baixo Custo
Estratégias de Marketing Com Baixo Custo

Conhecer estratégias de marketing com baixo custo para pequenas empresas é fundamental para o empreendedor que deseja se sobressair em meio à concorrência.

Enquanto grandes empresas precisam elaborar estratégias mais complexas e que demandam investimentos maiores de tempo e de dinheiro, os pequenos empreendedores podem fazer uso de estratégias bem menos custosas e muito mais vantajosas.

A Internet, por exemplo, deve ser reconhecida como um poderoso aliado para fazer os negócios funcionarem como devem, garantindo que a marca se posicione na web e atraia clientes que correspondem ao perfil esperado pela empresa, maximizando as possibilidades de lucro.

Quanto mais cedo você considerar a Internet como um poderoso aliado para o seu negócio, mais rápido você poderá explorar as possibilidades e aproveitar os resultados.

Tire o foco da crise e comece a pensar grande, mesmo que seus recursos sejam pequenos. Com um pouco de inteligência e muita estratégia, é possível transformar o pouco em muito.

Aproveite as estratégias de marketing com baixo custo para pequenas empresas!

Pesquise e aproveite oportunidades

Conhecer o seu público como a si mesmo é o fundamental para que suas estratégias funcionem. Empresas que não conhecem o mercado em que atuam, as necessidades do público-alvo e não traçam um perfil de cliente ideal que desejam obter acabam por fracassar.

E sim, você pode dizer “ah, mas eu conheço fulano e ele não sabe, a empresa dele tá indo super bem”. Existe um limite para um marinheiro de primeira viagem, que navega em mares perigosos com o apoio único e exclusivo da sorte.

Contrate uma agência especializada em marketing digital e experiência do usuário. Custa menos do que você imagina e você ainda pode poupar o que gastaria em estratégias que não dão frutos.

Presença Online = clientes na casa

Se você não pode ser encontrado online, está perdendo uma oportunidade e tanto.

Empresas que não se posicionam na Internet não têm capacidade de angariar tantos clientes quanto poderiam. E pior, existem casos de empresas que até possuem uma página no Facebook, Instagram e um site, mas não sabem usar essas plataformas.

Seu site não pode ser apenas uma “obrigação” que você cumpre, uma página sem graça com o endereço do seu negócio. É preciso criar uma vitrine de experiências e fazer com que o cliente em potencial se interesse ali.

Os melhores beijos começam pelos olhos, não pela boca. O interesse precisa começar muito antes do cliente sequer pensar em visitar seu estabelecimento. Portanto, saiba se posicionar e seja o resultado que aparece quando seu cliente pesquisa.

Para isso, você precisa, é claro, conhecer seu público como a si mesmo.

Seu plano de marketing precisa ser prático

Um plano de marketing prático precisa ir além de todo aquele blábláblá teórico. Nenhuma empresa é igual a outra e, ainda que existam padrões pras estratégias, pensar fora da caixinha faz muito bem, obrigado.

Portanto, é preciso analisar os fatores que influenciam o desempenho do seu negócio, tanto de forma interna quanto externa. Compreenda a jornada de compra do seu cliente e como seus concorrentes se posicionam em relação ao mercado em que você atua.

Tenha metas precisas, objetivas e realistas. Trace planos para chegar até elas, crie uma gestão de riscos, analisando cada possibilidade que pode dar errado (porque algo provavelmente irá falhar) e contingências. Assim, você passa menos tempo tentando consertar as coisas e ganha tempo para realmente colocar algo em prática e fazer a diferença.

É esse tipo de pensamento que te leva para cima. Não se trata de misticismo ou pensamentos coloridos.

Faça sua marca ser marcante

Sua marca precisa estar consolidada no mercado em que você atua. Precisa ser memorável, chamar atenção toda vez que alguém falar dela ou vir algo que você postou na Internet.

Parece difícil? E é mesmo. O segredo aqui é entregar exatamente o que sua audiência procura e um pouco mais. Esse “algo a mais” é o que surpreende, deve ser o plus. A experiência de comprar de você precisa fazer a diferença, precisa ser algo tão bom, que faz o custo do produto ou serviço parecer mais que justo. O cliente se sente na “obrigação” de fazer negócios com você novamente, porque sabe que não encontrará uma experiência similar em lugar algum.

Pode ser uma experiência de atendimento, de satisfação ou mesmo uma recompensa. Você decide, mas lembre-se de se basear no que seu público procura.

Vá além do que você vende

Vender serviços e produtos todo mundo faz. O grande “xis da questão” está em entregar experiências e benefícios.

Encontre o diferencial do seu produto, o que realmente faz com que a pessoa que está comprando tenha uma mudança palpável no seu dia e venda isso. Não se contente em entregar menos do que isso!

Saiba calcular o seu retorno

Nenhuma estratégia de marketing com baixo custo para pequenas empresas pode ser eficiente, se você não souber calcular o retorno sobre seu investimento. O Marketing Digital só funciona quando você é capaz de entender e mensurar o retorno do dinheiro que você investe. Não deve ficar a sensação de sacrifício ou de incerteza. É preciso garantir que você esteja tendo lucro, caso contrário, algo está errado e precisa mudar.

Tenha uma planilha bem organizada e estude o máximo possível sobre ROI. 

Sem chutes! Não vá para o desconhecido sem estar preparado!

Você não deve pisar sem garantir que exista um chão a frente. Para isso, estude muito bem o mercado, seus concorrentes, seu público-alvo e, claro, a sua empresa. 

Não adianta vender sem conhecer em detalhes o que você vende. É muito fácil simplesmente dizer “eu vendo marketing digital”, sem dizer o que e como faço isso. Sem contar que todos os meus concorrentes TAMBÉM o fazem.

O que eu entrego é muito mais do que um site, do que uma campanha patrocinada e uma landing page para você. É a ponte que você precisa para se conectar aos seus clientes e entregar a eles uma experiência verdadeiramente memorável. É o conhecimento necessário para se destacar dos concorrentes e encontrar um diferencial poderoso para o que você faz. Te ajudo a vender essa ideia e transformá-la em algo palpável para seu público-alvo. Assim, seu trabalho será apenas trabalhar para entregar o melhor. Nem mais, nem menos. Apenas O MELHOR.

Achou que tivesse terminado? 

Ainda tem mais 13 dicas de estratégias de marketing com baixo custo para a sua pequena empresa!

Veja só:

  • Você deve investir pelo menos uma hora diária para acompanhar e replanejar estratégias
  • Seu site, blog ou redes sociais precisam receber atualizações com uma frequência específica, seja ela diária ou semanal.
  • Você precisa investir na criação e nutrição de relacionamento com os clientes e o seu público na Internet. Para isso, use as redes sociais, e-mails marketing que não sejam APELATIVOS e respeite o momento do cliente na jornada de compra.
  • Você possui um celular. Use-o para gravar vídeos, fazer fotos e se relacionar com o seu público nas redes sociais. Conheça seus limites.
  • Fale a mesma língua da sua empresa. Comunique-se com seus clientes respeitando as peculiaridades de cada rede social e a linguagem que os clientes utilizam. Nada de padronizar a escrita e fala e achar que irá funcionar em todas as redes no mesmo grau. Só tome cuidado para não se distanciar demais da linguagem que o público utiliza.
  • Faça transmissões ao vivo, tire dúvidas e exalte seus clientes. Utilize-os como seus melhores exemplos de que você não está exagerando quando vende a ideia de que seus produtos ou serviços são verdadeiramente únicos e especiais.
  • Defina metas curtas e alcançáveis. Comece do básico e vá expandindo com o tempo.
  • Não tenha medo de errar. O marketing é uma arte que se encontra e entrelaça com a ciência. Ainda que algo dê errado, pode ser lapidado e transformado em um acerto.
  • O Marketing não trabalha apenas a curto prazo. Dependendo das suas estratégias, podem levar meses e até anos para algo aparecer. Por isso, tente mesclar estratégias de curto, médio e longo prazo.
  • Não existe fórmula mágica que dá certo para toda empresa. É preciso ir de encontro com o núcleo do seu negócio e os objetivos e necessidades dos clientes.
  • Faça acontecer. Antes feito do que perfeito. Aprenda com os erros e melhore com o tempo. Você não é um especialista em marketing.
  • Você não é um especialista em marketing. Saiba escutar as dicas certas e aplicá-las no que você faz.
  • Seus clientes são seus maiores aliados. Escute bem as reclamações de clientes e colaboradores, transforme isso em uma vantagem competitiva ao neutralizar problemas e desenvolver soluções.
  • Os resultados dependem do seu trabalho e de estratégias concretas. Apenas um dos dois não trará efeitos verdadeiramente grandiosos.

Gostou das dicas? Com essas estratégias de marketing com baixo custo para pequenas empresas, você pode fazer seu pequeno negócio decolar. Basta seguir as instruções e encontrar o que mais se aplica ao seu momento atual.

Compartilhe!